Fique por dentro das novidades!

Agronegócio

Tecnologia aplicada na produção: um ganho para os agricultores

2 anos atrás - por:

-Instrumentos tecnológicos apoiam desenvolvimento da agricultura de precisão-

            Atualmente, a modernização e os avanços tecnológicos chegaram às lavouras brasileiras. As operações agrícolas antes convencionais e mais trabalhosas, agora dão lugar a pilotos automáticos e colheitadeiras que ‘colhem praticamente sozinhas’. Este ‘salto’ em produtividade e gerenciamento das propriedades rurais pode ser relacionado com os avanços tecnológicos que estão sendo aplicados na agricultura e ao seu aumento de eficiência.

            A tecnologia agrícola vem crescendo gradativamente e ganhando espaço significativo nas lavouras, incluindo o uso de diversos tipos de sensores remotos, utilização de máquinas e sistemas integrados de informação. Hoje, em médias e grandes propriedades, o agricultor vem implementando sofisticadas tecnologias, como o uso da robótica e de mapeamentos diversos, que têm revolucionado todos os tipos de processos agrícolas.

Os agricultores utilizam constantemente tecnologias já difundidas mundialmente, como sensores remotos, mapeamento de fertilidade, taxa variável, imagens aéreas e GPS, todos esses avanços estão relacionados à Agricultura de Precisão e permitem maior produção, aumentando a rentabilidade, além de garantirem maior segurança e controle nas operações agrícolas.

            Resultado disso, está na estimativa do coordenador da Secretaria Executiva da Comissão Brasileira de Agricultura de Precisão (CBAP), divulgada em maio deste ano, apontando que mais de 67% das lavouras usam a tecnologia em suas produções agrícolas. Nestes números está sendo considerado desde o uso do GPS de mão para auxílio do produtor, até a utilização de pilotos automáticos. Mas o aumento expressivo no avanço destas tecnologias se dá principalmente devido a melhoria técnica que ocorre na propriedade e consequentemente no aumento e monitoramento da eficiência de qualquer operação.

             “O principal benefício da tecnologia aliada ao agricultor é quanto a tomada de decisões com qualidade e assertividade, pois ele tem inúmeras informações a seu dispor para isso, consequentemente sua margem de erro diminui, contribuindo para um maior controle na gestão da propriedade. ”– explicam os engenheiros agrônomos Leonardo e Rodrigo Rossato.

            Além disso, os agrônomos comentam que os agricultores não precisam mais utilizar a pulverização, fertilizantes, corretivos e insumos de modo geral em toda a lavoura. Com o uso da tecnologia, hoje, é possível utilizar a quantidade exata requerida em cada subárea específica. Também se consegue tratar o local onde a planta está inserida de maneira única e diferenciada, respeitando suas necessidades e forma de desenvolvimento.

            Portanto, a tecnologia deve trazer a rentabilidade esperada, auxiliando os agricultores a manejar melhor o ambiente onde as culturas estão inseridas, com o objetivo de aumentar o controle sobre os processos produtivos e consequentemente seu lucro.

Por:
AgroPrecision
Posts do autor

Comentários sobre este post