Fique por dentro das novidades!

Agronegócio

Mapeamento de Fertilidade do Solo

7 anos atrás - por:

É uma prática que considera a variabilidade dos nutrientes no solo.

Através da coleta de solo georreferenciada é possível criar mapas de fertilidade química do mesmo e através destes mapas corrigir as deficiências e excessos destes nutrientes em cada local. Dessa forma, a eficiência na utilização de um fertilizante ou corretivo é melhorada, tendo por consequência o aumento do potencial de produtividade das áreas que recebem este tratamento. 

AMOSTRAGEM

O processo de amostragem de solo inicia-se fazendo o contorno da área com o auxilio de um GPS acoplado em quadriciclo e operado por um técnico agrícola altamente capacitado.

Após o contorno da área já estar inserido no GPS, divide-se a mesma conforme o grid/grade contratado e na sequência as coletas das amostras de solo, respeitando-se o número de subamostras necessárias para representar a fertilidade de cada local. Após esses processos, as amostras são encaminhadas ao laboratório escolhido pelo cliente.

MAPEAMENTO

Assim que os resultados do laboratório, são enviados à AgroPrecision, dá-se início ao processo de construção dos mapas de fertilidade. Os mesmos são autoexplicativos, possibilitando ao cliente visualizar em cores indicativas as necessidades de cada hectare de sua lavoura. Dessa forma o departamento técnico da empresa elabora-os em tempo hábil, para que os resultados cheguem o mais rápido possível aos clientes. 

SUGESTÕES DE ADUBAÇÕES

Os mapas de sugestões de adubações e corretivos são gerados a partir dos resultados obtidos nos mapas de fertilidade do solo, indicando qual o melhor produto a ser utilizado para determinado cultivo. O objetivo é aumentar a produtividade aliada à rentabilidade, na busca pela máxima eficiência técnica e econômica. 

 

Por:
AgroPrecision
Posts do autor

Comentários sobre este post