Fique por dentro das novidades!

Agronegócio

Aplicação de nitrogênio em taxa variável auxilia na otimização dos custos na cultura do trigo

2 semanas atrás - por:

A agricultura já mostrou todo seu potencial econômico para o mundo, sendo que cada cultura impacta diretamente no crescimento de diversos setores. O trigo, por exemplo, é uma gramínea cultivada mundialmente, sendo um dos cereais de maior importância econômica devido as suas infinitas utilizações, como para a produção de farinhas, alimentação humana e animal, rotação de cultura, proteção do solo, entre outros. 

Segundo diversos institutos de pesquisas e demais profissionais da área, a adubação está diretamente relacionada com a qualidade e o potencial produtivo da cultura e dentre os nutrientes o nitrogênio (N) é sem dúvida, fundamental para o manejo, sendo determinante se ter uma boa disponibilidade no solo em diferentes épocas do desenvolvimento da cultura. 

Mas falando em benefícios do nitrogênio na cultura do trigo, os mesmos são indiscutíveis, garantindo principalmente, o aumento da produtividade e a qualidade fisiológica do grão, sendo que a sua função está diretamente ligada a fotossíntese e a formação da proteína do trigo, atuando no crescimento e desenvolvimento da planta. 

A quantidade de N a ser aplicada depende da análise química da área cultivada e da expectativa de rendimento. Conforme o Manual de Adubação e calagem para os estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina é indicado aplicar de 15 a 20 kg de N/ha no momento da semeadura e o restante em cobertura entre os estádios de perfilhamento e de alongamento do colmo.

E é justamente entendendo a importância deste nutriente que a AgroPrecision disponibiliza a sua tecnologia de aplicação de nitrogênio em taxa variável, porque a mesma, considera a variabilidade espacial dos atributos do solo, ferramentas de imageamento, cultivo anterior, potencial produtivo e expectativa de rendimento para alimentar um algoritmo muito técnico e qualificado para prescrever a taxa de nutrientes conforme a necessidade específica de cada subárea, proporcionando ao agricultor escolhas assertivas, informações precisas e economia na compra dos insumos.

Por:
AgroPrecision
Posts do autor

Comentários sobre este post