Fique por dentro das novidades!

Agronegócio

Aplicação de fertilizantes com precisão na geração de resultados

1 ano atrás - por:

Com a notícia de que o valor do custo com insumos para a safra de soja 2018/19 aumentaria em cerca de 20% para os agricultores, é preciso encontrar maneiras para otimizar a quantidade de produtos usados na lavoura. Uma alternativa eficiente nesta busca pela melhor rentabilidade e otimização de recursos, é trabalhar com a agricultura de precisão e a aplicação em taxa variável. Neste tipo de manejo utiliza-se os pontos com variabilidade espacial nas áreas de cultivo para fazer as sugestões de posicionamento de insumos, corretivos e fertilizantes fazendo a aplicação correta do insumo quando necessário, na quantidade certa, de forma econômica e que dê a melhor resposta ao cultivo.

Esse tipo de quantidade certa, está ligado ao Manejo 4C, processo que é utilizado pela AgroPrecision, ou seja, isso quer dizer que as aplicações de fertilizantes no solo são realizadas à partir da: fonte certa, dose certa, momento certo e o local certo. Neste processo são utilizadas fontes de fertilizantes adequadas à necessidade da cultura, às propriedades do solo e a capacidade de fornecer o nutriente correto e preciso. A quantidade de fertilizante utilizado também é um ponto a ser considerado pois o excesso, assim como a falta do mesmo, pode causar o desequilíbrio nutricional e problemas fisiológicos na planta.

Independente da aplicação de fertilizantes em estado líquido ou sólido, a agricultura de precisão respeita a dosagem certa para aplicar fertilizantes e insumos em cada talhão da lavoura. Ter todas as informações sobre o solo são de extrema importância quando se trata de aplicação em taxa variável, isso só é possível através de uma boa amostragem que indicará a demanda de nutrientes necessários em cada ponto de amostra de solo coletado.

Conhecer a dinâmica estabelecida entre o solo e a planta, a necessidade de nutrição dos mesmos, bem como o quanto uma lavoura pode ser rentável e os métodos para maximizar a produtividade de cada talhão são informações essenciais para que se tenha uma boa aplicação de fertilizantes e insumos. A agricultura de precisão tem o objetivo de otimizar os recursos considerando as taxas variáveis, mapas de fertilidade e colheita, criados à partir de amostras de solo e de um mapeamento da lavoura. Todos esses processos auxiliam a tomada de decisões do agricultor que podem maximizar a rentabilidade da produção e dessa forma obter uma maior lucratividade, fazendo o uso eficiente de corretivos de solo e o mais importante: sem desperdícios ou perda de produtos.

Por:
AgroPrecision
Posts do autor

Comentários sobre este post